Notícia publicada 6 dias atrás.

MPF denuncia 72 ex-deputados por farra das passagens. Dr. Rosinha está na lista

MPF denuncia 72 ex-deputados por farra das passagens. Dr. Rosinha está na lista

O ex-deputado Dr. Rosinha, atual presidente do PT do Paraná, está na lista de 72 ex-deputados denunciados pelo Ministério Público Federal por desvio de dinheiro (peculato) e uso irregular da cota de passagens aéreas. São 28 denúncias criminais contra eles. Entre os denunciados estão dois ex-ministros dos governos petistas, Ricardo Berzoini e Aldo Rebelo e o ex-presidente da Câmara, João Paulo Cunha. As informações são de Eduardo Militão no Estadão.
As denúncias criminais apontam R$ 8,36 milhões gastos irregularmente com 13.877 bilhetes aéreos usados entre 2007 e março de 2009. Dr. Rosinha usou 212 passagens no período ao custo de R$ 104.157,40. Um grupo de seis ex-deputados gastou mais de R$ 200 mil cada um com as passagens nos dois anos. O campeão da lista é Ilderlei Cordeiro (PR-AC), com 248 mil e 388 bilhetes emitidos. Em seguida, vêm Henrique Afonso (PV-AC) , com R$ 245 mil, e Nilson Mourão (PT-AC), com R$ 229 mil. Em média, cada parlamentar denunciado usou 193 passagens, gastando R$ 116 mil no período.
O caso foi revelado em 2009 e ficou conhecido como “farra das passagens” porque senadores, deputados e ministros de governo usavam cotas de bilhetes aéreos para viajar pelo mundo a passeio ou para cedê-las a eleitores e terceiros, além de revelar um esquema de venda ilegal de créditos em agências de turismo.
De acordo com o Ministério Público, dinheiro público só pode ser usado a trabalho. Portanto, a situação é considerada ilegal se o parlamentar voa a passeio, cede a passagem a terceiros ou se recursa a explicar o que fez com o dinheiro – silêncio observado em diversos pedidos de informação feitos há oito anos.
Em 2009, revelou-se que mais da metade da Câmara tinha voado para o exterior com dinheiro público nos dois anos anteriores. Para auxiliar a Procuradoria da República no Distrito Federal (PRDF), peritos da Polícia Federal se debruçaram sobre 160 mil bilhetes aéreos pagos pela Câmara aos deputados entre 2007 e 2009 às companhias Gol e TAM. A despesa foi de R$ 70 milhões. Foram 1.588 viagens internacionais (R$ 3,1 milhões), 112 mil nacionais (R$ 64 milhões) e 46 voos cancelados.
(foto:arquivo/google)





0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Redação e Administração

Rua Nilo Peçanha 798 - Bom Retiro
Tel./fax: 41.3338-0695

IMPACTO EDIÇÃO SEMANAL



Clique aqui para ver as edições anteriores.

VÍDEOS

Mutirão da cidadania atende 50 mil pessoas em Curitiba

Julgamento no TJ-SC é suspenso após advogado acusar desembargador de pedir propina

OVOS NO PREFEITO DE SÃO PAULO: Minoria autoritária tentou agressão, diz Doria

Conselho de Ética - 08/08/201 SORTEIO DE RELATOR

    Clique para ver todos os vídeos >>

ENQUETE

COMO FICARÁ A SITUAÇÃO DE LULA APÓS SER DENUNCIADO COMO CHEFE DE QUADRILHA?

:

Ver resultados


Loading ... Loading ...

ACOMPANHE NOSSAS REDES

PUBLICIDADE

 

REDES SOCIAIS

JORNAL IMPACTO PARANÁ
Redação e Administração - Rua Nilo Peçanha 798 - CEP: 80520-000 Bom Retiro - Tel./fax: 41.3338-0695